google-site-verification: googlea7d345fe9e2e3355.html
Inicio / Destaques / IV Ranking da Cúpula: conheça os especialistas da 2ª fase
Sérgio Rabello

IV Ranking da Cúpula: conheça os especialistas da 2ª fase

A Cúpula da Cachaça anunciou na tarde dessa quinta-feira (336/12) os nomes dos especialistas que comporão o painel de jurados da Seleção dos Especialistas, a segunda fase do IV Ranking Cúpula da Cachaça.

São mais de 50 profissionais de alto gabarito que terão a tarefa de destilar a lista das 250 Cachaças Mais Queridas do Brasil e dali extrair as 50 finalistas, que vão para a degustação às cegas.

Cada um dos jurado terá até o próximo dia 20 de janeiro para experimentar, refletir e apontar suas indicações. As cachaças mais citadas passam à fase final do IV Ranking. Os integrantes da Cúpula não votarão nessa fase.

A fase final, que definirá as posições no Ranking, é a Degustação às Cegas, está agendada para os dias 6, 7 e 8 de março, na Cachaçaria Macaúva, em Analândia (SP).

Ali, apenas os cúpulos – entre eles, o editor do Devotos, Dirley Fernandes – darão notas a vários quesitos e decidirão a ordem do Ranking.

A cachaça mais votada das três categorias – a) cachaças que não passam por madeira; b) cachaças armazenadas e envelhecidas e c) cachaças premium e extra-premium – recebe o título de Cachaça do Ano.

O resultado do IV Ranking será publicado na quinta-feira, 12 de março, pelo caderno Paladar, do jornal Estado de S. Paulo e pelo Devotos da Cachaça.

Agora, segue a escalação desse dream team da cachaça brasileira – pessoas que se dedicam dia e noite a buscar a valorização da cachaça e a profissionalização e desenvolvimento do nosso setor.

Aline Bortoletto
Aline Bortoletto e Ana Carolina Corrêa

Aline Bortoletto – pesquisadora da Esalq/USP

Altino Farias – escritor e proprietário da Embaixada da Cachaça, em Fortaleza (CE).

Ana Carolina Corrêa – pesquisadora da Esalq/ USP

Ana Laura Guimarães – Gestora do aplicativo Cachaciê, de Belo Horizonte (MG)

André Ricardo Alcarde – Professor da Esalq/ USP

Bruno Videira – Criador do movimento Viva Cachaça

Carlos Lima – Diretor executivo do Ibrac

Carlos Mussarela – Proprietário do Restaurante Mussarela, em Duque de Caxias, RJ

Cauré Portugal – Diretor da Smart Yeast

Cecilia Helena – Especialista em embalagens e criadora do canal ‘Louca da Cachaça’

Cesar Adames – Consultor, professor e especialista em destilados

Cláudia Fernandes – Ex-presidente da Confraria do Copo Furado, do Rio de Janeiro.

Deise Novakoski – Sommelière e consultora na área de bebidas.

Denise Marcolino – Jornalista e criadora do canal 365pingas

Elen Lopretti – Sommelière

Eliana Girardello – Sommelière da Vô Milano, de Curitiba (PR)

Enaldo Lopes – Proprietário da Cachaçaria Trilha Real, em Belo Horizonte (MG)

Fabio La Pietra – Bartender do SubAstor, em São Paulo (SP)

Gerson Souza – Jornalista

Gilberto Freyre Neto – Secretário de Cultura do Estado de Pernambuco

Guiba Monteiro – Vice-presidente da Confraria Paulista da Cachaça

Guto Nodari – Sommelier e membro da Confraria Gaúcha da Cachaça

Illan Oliveira – Diretor da distribuidora Solution Comercial

Isadora Bello Fornari – Sommelière

Jairo Martins – Escritor, consultor e conferencista

Marcel Rattes – Proprietário da loja ‘Eu Amo Cachaça’, de Brasília (DF)

José Alberto Kede

José Alberto Kede – Professor e ex-presidente da Confraria de Cachaça Copo Furado, do Rio de Janeiro (RJ)

José Darci Pereira Soares – Ex-presidente da Confraria Gaúcha da Cachaça

José Moisés Moura – Criador do Museu da Cachaça, em Lagoa do Carro (PE)

Kelly Costa – Criadora do site Caipirinha Prendada

Laércio Zulu – Bartender e militante da Cachaça

Leszec Wedzicha – Especialista e ativista da Cachaça na Europa

Lethicia Suzigan Corniani – Pesquisadora da Esalq-USP

Luis Claudio Fernandes – Sommelier e especialista em destilados

Luisa Saliba – Proprietária da Rota do Acarajé, de São Paulo-SP

Marcelo Moschetti – Sócio da Cachaçaria Macaúva, em Porto, Portugal

Marcelo Serrano – Bartender do Venuto, em São Paulo (SP)

Marco De La Roche – Bartender e criador do site Mixology News

Mauro Holanda – Fotógrafo e militante da cachaça

Nina Bastos – Bartender e sócia do Jiquitaia, em São Paulo (SP)

Ornella Boulhossa – Bartender e propietária da Butique da Cachaça, em São Paulo (SP)

Oswaldo Bernadino Junior – Proprietário da Distribuidora Savana, em Belo Horizonte (MG)

Paula Braga Batista – Técnica do Instituto Mineiro de Agricultura (IMA)

Paulo Carvalho – Bartender do Mocotó, em São Paulo (SP)

Peter Armstrong – Cúpulo honorário, jornalista e especialista em mercado internacional

Priscila Mallmann – Sommelière

Rafael Sá – Proprietário da loja Drink It, de Belo Horizonte (MG)

Rogélio Brandão – Pesquisador UFOP

Rafael Araújo – Sócio da loja virtual Cachaçaria Nacional, de Belo Horizonte (MG)

Confraria de Cachaça Copo FuradoRosane Ferreira – Presidente da Confraria de Cachaça Copo Furado, do Rio de Janeiro (RJ)

Sérgio Rabello – Proprietário do Galeto Sat’s, do Rio de Janeiro (RJ)

Walter Garin – Professsor e bartender do Shake Speakeasy Bar, no Rio de Janeiro (RJ)

Yansel Galindo – Proprietário do Café do Bom, Cachaça da Boa, do Rio de Janeiro (RJ)

Zeca Meirelles – Proprietário da ProDrinks, em São Paulo (SP)

Para conhecer as 250 cachaças classificadas na primeira fase e mais notícias sobre o Ranking Cúpula da Cachaça, clique aqui.

4 Comentários

  1. Pedro de Alcântara

    Que pena dileto amigo Dirley!!!! Esqueceram dos grandes colecionadores de Cachaças do Brasil.

    Lamentável….

  2. Com um time desse impossivel dar ruim, parabéns Cúpula, mais uma vez, será um sucesso.

  3. Como é a divulgação do evento RANKING CÚPULA DA CACHAÇA ? nunca participei, todavia tenho interesse. Meu produto cachaça SARACURA, em duas participações de concursos foi laureado com medalha e ouro e grand ouro.

  4. Não sei se há lista de suplentes, mas se ainda houver tempo,
    poderiam incluir nomes internacionais mais expressivos, pois estamos em marcha de entrada em outros países e continentes.
    Mas faz parte da festa. Mas precisamos ter a coragem de expandir e tornar esse ranking mais internacional, afinal se estão incitando os produtores a ir buscar medalhas fora em concursos internacionais, tragam a opinião internacional para o time julgador.
    Também acho que deveria haver uma pre-seleção nos Estados, para depois uma nacional mais representativa, mas com mesa julgadora mix com convidados internacionais de renome. Talvez Ranking V?
    Boa sorte a todos! E parabéns!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Devotos em seu e-mail

Pular para a barra de ferramentas Sair