google-site-verification: googlea7d345fe9e2e3355.html
Inicio / Destaques / Cachaça no Carnaval: Princesa Isabel e Magnífica serão homenageadas
carnaval de vitória
Andaraí, em 2019. Foto: Fernando Madeira

Cachaça no Carnaval: Princesa Isabel e Magnífica serão homenageadas

Brasil, esquentai vossos pandeiros, iluminai os terreiros e apressai o alambiqueiro porque a hora da batucada está chegando, mesmo contra a vontade de uns e outros. Agora, estamos há pouco mais de 70 dias do tríduo momesco – as escolas de samba entram na Sapucaí no domingo, 23 de fevereiro. E sempre tem espaço para a cachaça no Carnaval. Enquanto aguardamos a embalagem especial da Pitu, que capricha bonito na festa pernambucana – esse ano teve até realidade aumentada –, vamos contando que na folia carioca e capixaba a nossa branquinha será destaque na avenida. Alô, Magnífica!!! Alô, Princesa Isabel!!!

No Espírito Santo, a escola de samba ACSGRES Andaraí, de Vitória, afilhada da Mangueira, desfilará no Carnaval 2020 com o enredo Na pancada da marvada pinga, água que passarinho não bebe. A escola celebrará a Cachaça de modo geral e, particularmente, a Cachaça Princesa Isabel, de Linhares (ES).

Com esse enredo, a escola, que tem 70 anos de história, espera voltar para o Grupo Especial do carnaval de Vitória, de onde nunca deveria ter saído. Se depender do samba, que fala em preconceitos, recomenda “beber e não dirigir” e convida a sentir “o aroma que paira no ar”, é dez, nota deeeez! Ouçam o samba, clicando na imagem do desfile, e leiam a letra.

PINGOU…
JÁ DESCE A ABRIDEIRA, É CARNAVAL !
EIS A SERPENTE, DONA DO CANAVIAL
QUE EXPLODE DE EMOÇÃO ESTA AVENIDA, TÃO LINDA!
A FORÇA DO AMOR TRADUZIDO EM KAMADEVA
FLECHADAS DE PAIXÃO, QUANTA NOBREZA !
O SUCO ABENÇOADO PELO BOM SENHOR
MAS POR INVEJA, TUDO FOI MALICIADO
AQUECERAM O SEU CALDO
PEGOU FOGO O TEU SABOR

carnaval de vitória
Andaraí, em 2019. Foto: Fernando Madeira

*NAS MOENDAS DO ENGENHO … DESTILAÇÃO
SOFRIMENTO NA SENZALA…ESCRAVIDÃO
DO MELADO À AGUARDENTE…CONQUISTANDO ESSA GENTE
O XODÓ DE UMA NAÇÃO*

CONCEITOS, PRECONCEITOS…PERSEGUIÇÕES
SOFRE A PURINHA, DEUSA DAS INSPIRAÇÕES
PÕE NA MESA E PASSA A RÉGUA
SE SEGURA, NÃO ESCORREGA!
UM BRINDE AO PATRIMÔNIO NACIONAL
GIRA A ECONOMIA, DA POBREZA À BURGUESIA
DESDE O PAÍS COLONIAL
O MEU PADROEIRO, É SÃO BENEDITO
FÉ E DEVOÇÃO AO MEU SANTO QUERIDO
NA PRIMEIRA DOSE UM GOLE PRA TI
E QUEM FOR BEBER, NÃO VÁ DIRIGIR !
O SEGREDO “TÁ” NO PALADAR,
SINTA O AROMA QUE PAIRA NO AR
A “VENENOSA” PINGA FOGO
COMO NINGUÉM VIU
NOSSA “PRINCESA” É A MELHOR DO BRASIL

É NA PANCADA QUE DESCE A MARVADA
A CADA DOSE EU VOLTO A SORRIR
“MANHAGUA” PONHA “OUTRA” SAIDEIRA
MINHA CACHAÇA, MEU AMOR, ANDARAÍ !

A escola é a terceira a desfilar no Sambão do Povo, na noite de sexta-feira (14/02), curiosamente uma semana antes da data oficial do Carnaval brasileiro.

Cachaça no carnaval: Badalo vai de Magnífica

Já o Badalo, glória do Carnaval de Santa Teresa, um dos bairros mais tradicionais do Rio de Janeiro, homenageará o mais ilustre – ao menos pelas lentes dos devotos – morador da localidade., João Luiz Coutinho de Faria, mais conhecido entre as cabrochas e bambas como “João da Magnífica”. O epíteto, o leitor já deve saber, vem do fato de ser ele o fundador e ainda comandante da Cachaça Magnífica de Faria, produzida em Miguel Pereira (RJ) e que tem seu QG central no velho bairro da Região Central do Rio.

O Badalo é um bloco que percorre as ruas de Santa Teresa – ou desfila parado, no Largo das Neves – durante o período carnavalesco, sempre com uma bateria da pesada e juntando muita gente. A quadra da agremiação também funciona, ao longo do ano, como local de cursos profissionalizantes, atividades esportivas e de lazer e eventos ligados ao samba, sendo importante ponto de referência para a vida comunitária de Santa Teresa e do Catumbi.

No último dia 7, o bloco soltou a sinopse do samba 2020 em festa na quadra, dando início aos festejos da cachaça no Carnaval. Em 11 de janeiro, começará a disputa. Sambistas já começaram a rabiscar pelos botecos da área – inclusive o tradicional Gomes, que “não queria vender” a cachaça do João, mas foi vencido pela insistência e hoje tem uma bela variedade de cachaças de alambique – as estrofes que homenagearão “João da Magnífica”. (O centenário Gomes, que tem nome oficial de Armazém São Thiago, fica na Rua Áurea, 26.)

O campeão do samba levará para casa um prêmio de R$ 1 mil e mais dois troféus: uma taça do Badalo e uma garrafa da Cachaça Magnífica. Para quem quiser se aventurar, segue a sinopse, de autoria de Dhel Aquino.

bloco Badalo
João (de azul) e a turma do Badalo

A cachaça é de fato preferência nacional
Tem no Norte, tem no Sul, de ponta a ponta do Brasil
Gostosa como ela é, só posso dar nota mil
Pinga, cana, caninha, quente e branquinha
São vários nomes dados a ela
Genuinamente brasileira, a cachaça é aquela
Que você oferece às paqueras, amigos e até ao ‘santo’
Levanta meu astral, me anima e eu canto:
Você pensa que cachaça é água…’
De grande importância sociocultural
Ela movimenta a economia da nação
Há quem diga que faz bem à saúde, especialmente ao coração
Lá pelas bandas da cidade de Miguel Pereira
Tem uma que é produzida e é muito especial
Deliciosa e premiada, seu paladar é sensacional
O Brasil e a Europa já aprovaram o seu sabor
Pois ela é feita com capricho, carinho e muito amor
Quem provou não bebe outra, ela é exportação
O nome dela é MAGNÍFICA, A CACHAÇA DO JOÃO!”

A cachaça no carnaval é presença marcante e já foi homenageada por várias escolas. Mas talvez nenhum samba seja tão representativo quanto o clássico ‘Do cauim ao efó, com moça branca, branquinha’, que embalou o Salgueiro no Carnaval de 1977. Samba lindíssimo de autoria de Geraldo Babão e Renato de Verdade que diz que “tem que ter cachaça, ela não pode faltar”…

 

Mais notícias sobre cachaça, clique aqui.

Por Dirley Fernandes

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Devotos em seu e-mail

Pular para a barra de ferramentas Sair