google-site-verification: googlea7d345fe9e2e3355.html
Inicio / Artigos / No Dia do Barman, eles dão o presente: 7 lindos coquetéis com cachaça
Cachaça Dom Bré

No Dia do Barman, eles dão o presente: 7 lindos coquetéis com cachaça

Hoje, 4 de outubro, celebramos o Dia do Barman – não obstante alguns celebrem a data em 6 de fevereiro, outros a 24 de fevereiro. Sem entrar no mérito histórico, estamos numa sexta-feira e vamos abrir espaço para que sete dos caras que melhor trabalham a coquetelaria com cachaça mostrem suas criações.

Mas, antes, cumpramos nossa obrigação moral: é preciso dizer um ‘muito obrigado’ penhorado e emocionado a esses craques das alquimias que nos brindam com sua criatividade e sensibilidade.

Um brinde de Dia do Barman ainda mais especial vai para aqueles que se mantêm em constante evolução, pesquisando ingredientes, formas de preparo, trabalhando os detalhes – que nunca são meros detalhes – e que enccontram os caminhos para transformar uma bebida em experiência cultural e sensorial única.

Esses são os imprescindíveis. E os sete que aqui estão fazem parte dessa categoria: Amauri Silva, Henrique Passos, Igor Renovato, Leandro Batista, Leo Peralta, Mestre Derivan e Walter Garin.

Se eles estiverem de um lado do balcão, esse editor estará do outro, debruçado, meio ansioso e prestando muita atenção.

Coquetelaria com cachaça

A cachaça, há bem pouco tempo, não fazia parte da formação, simplesmente não estava no radar da grande maioria dos barmen – prefiro, aliás, o sinônimo bartender, que tem a acepção de “encarregado” do bar, mas também o sentido próximo de afeição e sensibilidade, elementos tão importantes para o trabalho desses profissionais.

Com o esforço de pioneiros como Mestre Derivan e Jean Ponce, que entenderam e trabalharam a diversidade da cachaça como uma possibilidade de criar uma coquetelaria com identidade brasileira, hoje o panorama mudou muito.

Vemos a cachaça conquistar corações e mentes de jovens e veteranos dos balcões. Cada vez mais, eles se dedicam a se aprofundar no conhecimento da ampla gama de sabores e possíveis combinações que o nosso destilado oferece.

E o público responde. Pergunte no Bar do Jiquitaia, em São Paulo, qual é a base dos drinques mais vendidos da casa. Pergunte no glorioso Shake, no Rio, por que a cachaça ganhou espaço a ponto de ser a base da maioria absoluta dos drinques da nova carta.

A coquetelaria com cachaça é um dos mais importantes caminhos para a difusão do nosso destilado – como foi e é para todos os destilados globais. Os produtores estão começando a entender isso e a investir na relação com os bartenders, que estão na linha de frente, encarando o cliente.

Mas muito me estendi, posto que esse post de Dia do Barman é para os devotos em geral ficarem com água na boca, enquanto esses sete profissionais maravilhosos mostram o que estão fazendo. E que todos os integrantes da cadeia percebam o potencial de trabalhar com eles pela valorização da cachaça. Então, seguem as receitas:

Mestre Derivan (Blue Note-SP)Drinque do Mestre Derivan

Blood Maria

50 ml cachaça branca

15 ml de suco de limão

60 ml de suco de tomate

Tempero: sal de aipo, molho inglês,, tabasco e uma pitada de cominho moído

Legumes frescos e limão

Preparo:

Em um mixing glass, coloque gelo. Em seguida, junte os ingredientes misture bem. Sirva em copo long drink com gelo. Finalize com cenoura fresca e gomo de limão.

 

Drinque de Leo Peralta
Foto: Berg Silva/ Divulgação

Léo Peralta (Shake)

Preto Velho tá na moda

Modalidade: Mexido

Categoria: Medium drink

Finalidade: Aperitivo

50ml ‘Whisky do Serrado’ (Cachaça 7 Engenhos Carvalho infusa em cambuci

10ml Meladinha (cachaça composta com melado)

5 mililitros de xarope defumado de banana e temperado com especiarias

2 sprays de bitter aromático

Guarnição: lâmina de banana

Cachaça Dom Bré Henrique Passos (Churrasqueira- RJ e Juiz de Fora-MG)

Oak Fashioned

Ingredientes:

60 ml Dom Bré Carvalho

30 ml de Maple (xarope bordô)

4 Dash Angostura

4 Dash Drink & Shot Coffee Bitter

Gelo

Preparo:
Colocar uma pedra grande de gelo no copo que irá servir o drink e reservar. No mixing glass, colocar gelo, mexer e tirar a água residual. Em seguida, colocar a cachaça Dom Bré Carvalho Extra Premium, o maple (xarope bordô), a Angostura e o Drink & Shot Coffee Bitter. Mexer com a colher bailarina e coar para o copo. Usar casca de laranja para decorar.

 

Drinque com cachaçaLeandro Batista (Umas e Outras)

Cocada Boa

Abacaxi

Hortelã

Limão Tahiti

Calda de leite de coco

Coco queimado

Preparo:

Para a calda, derreta o açúcar em fogo baixo, adicione água, deixe chegar em ponto de xarope e adicione o leite de coco.

Coloque em um copo grande abacaxi, limão e hortelã e macere um pouco. Junte a calda; misture.

Agregue a cachaça Leandro Batista e o gelo. Misture mais um pouco. Finalize com o coco queimado.

Drinque com cachaçaWalter Garin (Shake Speakeasy)

Engenho d’El Rey

Características: Encorpado, recendendo a especiarias e ervas

Cachaça Soledade Pau-Brasil

Xarope de caldo de cana

Xarope de bitter

Angostura

Solução salina com ervas

Junte os três primeiros ingredientes na coquteleira com gelo. Finalize com a solução salina e a a Angostura.

Drinque do Amauri SilvaAmauri Silva (Veridiana-SP)

Rapadura sour

Um coquetel que tem a cara do nosso país.

Ingredientes:

Cachaça branca

Suco de limão cravo

Rapadura batida (a melhor é a que vem do Piauí, com camomila e ervas)

 

Drinque do Igor RenovatoIgor Renovato (Garoa-RJ)

Capivara

30ml de Cachaça

01 Dash de Bitter de laranja

Completar com guaraná

Pode ser com a cachaça que tiver, no copo que houver, com o gelo que quiser. O guaraná é o da sua marca predileta. Segundo o Greg Sanglardh, criador original da Capivara, a única regra é ter um amigo pra compartilhar, principalmente no Dia do Barman

Leia mais sobre coquetelaria com cachaça clicando neste link.

E Feliz Dia do Barman!

Por Dirley Fernandes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Devotos em seu e-mail

Pular para a barra de ferramentas Sair