Inicio / Artigos / Cachaça boa e barata? Listamos 10 opções com excelente custo-benefício

Cachaça boa e barata? Listamos 10 opções com excelente custo-benefício

O e-mail chegou na tarde chuvosa de terça-feira. O tema: cachaça boa e barata.

Caros Devotos,
Outro dia entrei em um empório aqui em São Paulo em busca de um presente para um amigo que fazia aniversário e não consegui encontrar nenhuma cachaça que custasse menos de R$ 60. O atendente me afirmou que cachaças com preços abaixo desse valor não têm qualidade. Isso é verdade? Estranhei porque, antigamente, eu conseguia comprar cachaça por preços muito mais em conta. Depois, passei uma longa temporada no exterior e na volta tive essa surpresa. O que aconteceu? Você me indica alguma cachaça com preço abaixo de R$ 50 a garrafa ou é impossível achar? Parabéns pelo site. Vi ótimos artigos.
Att,
Amaro Gurgel

Prezado Amaro, a atendente, acredito que não de forma intencional, não falou a verdade. De fato, há muitas cachaças boas com preços abaixo do valor que você citou. Acho provável que o empório esteja praticando preços muito altos por ter custos elevados. Ou talvez esteja confundindo “posicionamento” com fazer o cliente de trouxa. Andam melhor as casas que tem oferta de cachaça para bolsos variados.

De fato, em certo momento do passado recente, muitos produtores de cachaça puxaram seus preços para cima e focaram na criação de produtos na linha premium, com preços finais mais altos. No entanto, a recessão conteve esse ímpeto por um lado, enquanto, por outro, uma série de marcas manteve seu padrão de preços ou lançou produtos com preços mais competitivos. Diversificação costuma ser melhor aposta.

O que é líquido e cristalino como uma boa cachaça é que o preço alto não é fator determinante para a qualidade de uma cachaça. Da mesma forma, é correto dizer que existem cachaças de mais de R$ 200 que, pelo investimento que carregam e pela exclusividade, praticam preços corretos.

A definição de preços da cachaça segue a mesma lógica de qualquer produto numa economia de mercado. Em parte, segue os custos de produção. Assim, uma cachaça com tiragem limitada, tempo longo de armazenamento, processo produtivo mais elaborado e investimento em embalagem terá a tendência de ser mais cara. Mas o fator decisivo para a definição do preço final é mesmo a disponibilidade do consumidor. Se o consumidor estiver disposto a pagar o preço cobrado, então esse é o valor efetivo da cachaça.

De fato, hoje, a percepção reinante é a de que a grande briga do setor de cachaças para ganhar espaço em relação a outros destilados é exatamente na entrada da faixa premium, com preços entre R$ 18 e R$ 40. E as cachaças mais vendidas na ponta do varejo são atualmente, em maioria, aquelas que estão nesse intervalo de preço ou bem próximo dele.

Para ajudar o amigo e a tantos que volta e meia perguntam por cachaça boa e barata, preparei uma lista de sugestões cujos critérios são o preço em conta e a qualidade sensorial. Recomendo as dez aí abaixo de olhos fechados.

10 Cachaças Boas e Baratas

A Famosinha é sempre uma referência quando se fala em cachaça boa e barata. Premiada com o título de melhor cachaça do Spirits Selection de 2014, essa umburana de sabores que remetem a ameixa produzida em Papagaios (MG) sai por modestos R$ 26,50 no Espírito da Cachaça.

A Tiê Prata, de Aiuruca (MG), com seu sabor de varanda da fazenda, recende à pureza da cana. Boa para beber em shots, excelente para coquetelaria, foi a terceira melhor cachaça do III Ranking Cúpula da Cachaça e é encontrada a R$ 35 na Amburana. (Leia mais sobre ela na seção Cachaças de A a Z do Devotos.)

E se estamos falando das branquinhas, outra que só passa pelo inox antes de ir à garrafa é a Tiziu Virgem. Produzida nos padrões da tradição salinense, essa cachaça de generosos 47% de teor alcoólico, sai por inacreditáveis R$ 24 no Rei da Cachaça. Custo-benefício imbatível!

Ainda no reino das cachaças mais claras, a baiana Poço da Pedra, levemente corada pelo jequitibá rosa, é equilibrada, redonda, com baixa acidez e muito sabor. Sai por R$ 35 no Cachaça Express.

Os fãs dos aromas herbais do bálsamo que não tiverem à mão uma Havana ou uma Indaiazinha, têm na cachaça Saliníssima, da mesma região, uma opção muito mais em conta. Fácil de encontrar em balcões e prateleiras de vários estados, essa saborosa cachaça pode ser adquirida por módicos R$ 27 na Cachaçaria Nacional.

A Santuário de Minas, também produzida em Papagaios (MG), é uma boa porta de entrada para o vasto reino das cachaças armazenadas em carvalho. Com seus toques de caramelo, é cachaça facílima de beber e muito agradável. No Cachaça Express, está por contidos R$ 27,90. Pechincha!

A Santa Rosa Essence é a jequitibá da linha Santa Rosa, de Valença (RJ) composta por belíssimas cachaças, sempre muito bem embaladas. É suave ao paladar, mas com uma nota final picante bem interessante. No Mercado da Cachaça, é encontrada a simpáticos R$ 39,70.

A doçura e o pecado da cana paraibana estão contidos na Volúpia, densa e olorosa cachaça de Lagoa Grande. Quinta colocada no III Ranking Cúpula da Cachaça, essa branquinha amaciada pelo freijó é boa para se beber pura e faz as melhores caipirinhas do planeta. Na Planeta Água, sai por R$ 39.

A capixaba Reserva do Gerente é a de preço mais alto da nossa lista. Mas merece figurar como cachaça boa e barata. Afinal, ela esteve entre as cinco primeiras em duas edições do Ranking Cúpula da Cachaça. Os R$ 59 cobrados por ela no Empório Mercantil serão muito bem investidos por quem adquirir essa cachaça com cinco anos no carvalho, de toque aveludado e untuosidade exemplar.

A Rainha do Vale despacha de Belo Vale (MG) lotes e mais lotes de cachaças que, entra ano e sai ano, mantêm um padrão de qualidade elevadíssimo. Os preços são extremamente honestos. A Rainha do Vale Prata, em inox, uma das melhores do mundo em sua categoria, sai por R$ 36 na Cachaçaria Nacional. Melhor negócio, impossível.

Mais cachaças boas de todos os preços e sabores? Veja na nossa seção Cachaças de A a Z.

Um comentário

  1. Há uma semana comprei uma ” Opinião” produzida na fazenda vó Zirica em Perdões – MG pela mesma empresa da João Mendes. Baixo amadeiramento de carvalho que me agrada. Por incrível que pareça no Graal entre Rio e SP. A garrafa de 900ml a $35,00.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

giay nam depgiay luoi namgiay nam cong sogiay cao got nugiay the thao nu

Devotos em seu e-mail