Inicio / Destaques / Embaixada da cachaça: programa vai qualificar equipes de bares e restaurantes cariocas

Embaixada da cachaça: programa vai qualificar equipes de bares e restaurantes cariocas

embaixada da cachaçaSão poucos bares, mas já é um começo. O programa Embaixada da Cachaça, anunciado em 2015, promete sair do papel agora. A proposta é qualificar equipes de 55 estabelecimentos, todos no município do Rio., com orientações sobre  tipos de cachaça, preparação de drinques e harmonização, além de noções sobre a história da bebida e o seu valor cultural.

A partir dessa quarta-feira (17/05), bares e restaurantes dos polos gastronômicos de Santa Teresa e do Lido (Copavabana) vão passar por oficinas de capacitação. A iniciativa é da Associação dos Produtores de Cachaça do Estado do Rio de Janeiro (Apacerj), em parceria com Sebrae, Firjan, Sindbebi, Secretaria de Estado de Turismo e  TurisRio. Os estabelecimentos que, após o treinamento, mantiverem um bom padrão no serviço da cachaça – e as casas que o têm, no Rio, podem ser contadas com os dedos das mãos – receberão o selo Embaixada da Cachaça. “Queremos dar a oportunidade aos turistas de experimentarem a bebida, conhecendo suas peculiaridades, os diferentes tipos, os sabores variados. Há cachaças muito nobres que precisam ser mais conhecidas”, explica a presidente da Apacerj, Katia Espírito Santo.

O programa começou a ser implantado no segundo semestre do ano passado. O Entretapas foi o primeiro restaurante a receber o selo de Embaixada da Cachaça. Ainda em 2016, foram treinadas equipes de serviço para a Casa de Espanha. Estabelecimentos de Botafogo e da Tijuca também já receberam o treinamento.

“A expectativa é de que o programa leve os bares e restaurantes a oferecer o correto serviço em cachaça, com competência para informar os clientes sobre os rótulos das cachaças do Rio. Eles também vão estar preparados para oferecer um serviço diversificado, incluindo drinks e coquetéis”, avalia Katia.

A Cachaça precisa que programas do tipo, dedicados a despertar o interesse pelo nosso destilado da parte de quem lida diretamente com o consumidor e pode replicar e multiplicar essa paixão, surjam e se fortaleçam. A tarefa é urgente.

 

 

Um comentário

  1. Parabéns pela iniciativa, precisamos urgentemente de divulgar essa ideia no Brasil todo. Fico chateado qdo chego num restaurante e não encontro na carta de bebidas, uma variação de cachaça que atenda um apreciador. Já falei com todos os gerentes dos locais onde mais frequento.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

giay nam depgiay luoi namgiay nam cong sogiay cao got nugiay the thao nu

Devotos em seu e-mail