Inicio / Destaques / Minas Gerais, madeiras e barris são temas da série Bendita Marvada

Minas Gerais, madeiras e barris são temas da série Bendita Marvada

Da Redação

encantos da marquesa
Os tonéis da Encantos da Marquesa

Bálsamo, umburana, jequitibá, amendoim, carvalho, castanheira, ipê… são muitas as madeiras nas quais a cachaça, depois de fermentada nas dornas e destilada no alambique, descansa. Se bem que descanso não é termo certo, já que as trocas entre o líquido e a madeira são frenéticas, provocando as modificações químicas que geram os aromas e sabores da cachaça envelhecida.

E, não custa lembrar, só a cachaça realiza essas trocas de compostos fenólicos, voláteis e maravilhosos com tantas madeiras. Os destilados mundo afora se contentam apenas com o carvalho. Envelhecimento de cachaça, aliás, é questão em pauta também nos corredores de Brasília, onde se preparam mudanças na legislação (leia sobre isso aqui).

A madeira, o envelhecimento, os tonéis e barris são o tema do episódio dessa sexta-feira, às 21 horas, do Bendita Marvada, a série apresentada semanalmente pelo canal Mais Globosat. O programa tem ainda um recorte geográfico: as Minas Gerais, incomparável terra da cachaça, é a estrela do dia.

Arthur Veríssimo, hostess do Bendita Marvada, passa por Salinas e conversa com Edson Martins, da cachaça Encantos da Marquesa e das Dornas Havana, grande conhecedor de tanoaria e afeito a experiências inovadoras com madeiras de origem brasileira. Os barris de bálsamo da família Santiago (produtora da Havana) e os de carvalho de Luiz Otávio Pôssas Gonçalves (da Vale Verde, de Betim) também estão no programa.

Entre os entrevistados, que discorrem sobre as diferenças entre as cachaças brancas e envelhecidas, entre outros temas, estão o sommelier Manoel Beato, o bartender Jean Ponce, os especialistas Leandro Batista e Mauricio Maia e a sommelière Isadora Bello Fornari, que também é consultora de conteúdo da série. A direção é de John Porciúncula. Leia mais sobre a série aqui.

O Bendita Marvada pode ser visto nos canais 44 e 544 na NET, Sky e Claro TV; 57 e 357 da Vivo TV, além do 67 e 535 da Oi TV, entre outros serviços. Quem não puder assistir na sexta, pode ficar de olho nas reprises ao longo da semana. Outra possibilidade é assistir via web pelo Globosat Play.

Um comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

giay nam depgiay luoi namgiay nam cong sogiay cao got nugiay the thao nu

Devotos em seu e-mail